Katia Cavalcante

Direitos Humanos é tema de intenso debate em 1º seminário realizado na UNIG

A Universidade Iguaçu (UNIG) abriu as portas e realizou o 1º Seminário em Direitos Humanos nos dias 15 e 16 de agosto de 2017. O Seminário contou com a Defensoria Pública e Movimentos Sociais. O objetivo foi reunir pesquisadores, estudiosos, movimentos sociais, agentes e gestores públicos para uma discussão sobre questões sociais importantes na Segurança Pública e a cidadania. Saúde, Educação, Mobilidade Urbana foi um dos temas discutidos no segundo dia do Seminário.  Também foi falado sobre o acesso à justiça e resolução de conflitos, tentando buscar a satisfação de interesses e mecanismos de efetivação de direitos na Baixada Fluminense, porque vive uma realidade carente na garantia de direitos básicos e fundamentais. O Seminário proporcionou à comunidade acadêmica a oportunidade de dialogar por meio de debates e apresentação de resumos expandidos e pôsteres.

Leia mais...

 

Criminalidade jamais será debelada se for encarada apenas como um caso de Polícia

Nova Iguaçu pede socorro! O desespero, a insegurança tomou conta da cidade. A população iguaçuana não suporta mais os assaltos que vem acontecendo todos os dias. Furtos de veículos, pedestres são assaltados a qualquer momento. As pessoas não têm o direito de ir vir. A Baixada está vivendo o caos com a violência. As pessoas pedem mais segurança Pública para a cidade. Os bandidos estão nas ruas acionando o terror e enclausurando a população dentro duas suas residências. O que fazer? Mesmo com o exército nas ruas a violência irá diminuir?Esta pergunta está na boca de cada cidadão iguaçuno e também dos cariocas que não têm tido paz por causa da violência. A população quer segurança. Na edição do dia 5 de agosto o CL publicou sobre os deputados da Baixada que foram cobrar mais segurança ao Ministro da Defesa Raul Jungmann. Nesta edição resolvemos dar continuidade a esta pauta para que os nossos leitores fiquem mais informados.

Leia mais...

 

Centro Bom Samaritano reflete em Nova Iguaçu dificuldades de idosos internados em asilo

Solidariedade, compreensão, amor e carinho são primordiais para as pessoas idosas principalmente aquelas que são deixadas em um asilo. A maioria delas passa por um processo doloroso quando são esquecidas pelos familiares. Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), em 40 anos, a população idosa vai triplicar no País e passará de 19,6% milhões (10% da população brasileira),em 2010, para 66,5 milhões de pessoas, em 2050(29,3%).Daqui a 14 anos,os idosos chegarão a 41,5 milhões (18% da população). São aproximadamente 218 asilos públicos no país para receber mais de 20 milhões de idosos. Em Nova Iguaçu não é diferente. São poucos asilos públicos para a quantidade de idosos na Baixada. O Centro Bom Samaritano, no bairro Califórnia, vem passando por dificuldades financeiras e a falta de alimentos.

Leia mais...

 

AACD: Populares se dizem preocupados com o futuro da Associação de Assistência à Criança Deficiente

Um momento difícil e preocupante para as crianças, jovens e adultos que são atendidas diariamente na Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD) em Nova Iguaçu. Por falta de pagamento do governo municipal a instituição pode fechar as portas a qualquer momento. AACD é uma associação sem fins lucrativos e seu objetivo é restabelecer crianças, adolescentes e adultos portadores de deficiência física à sociedade. A sede é em São Paulo. Os centros de reabilitação ficam em São Paulo, Osasco, Recife, Porto Alegre, Uberlândia, Nova Iguaçu, Poços de Calda e Campina Grande. AACD foi fundada em 1950, por Renato da Costa Bonfim, médico ortopedista. A instituição de Nova Iguaçu foi inaugurada no dia 28 de setembro de 2004. A campanha Teleton, desde 1998 vem arrecadando dinheiro, isto com parceria com SBT.

Leia mais...

 

Ambientalistas reunidos em seminário discutem o futuro da Reserva de Tinguá

Florestas destruídas, rios poluídos. O Planeta Terra não aguenta mais o desamor da raça humana pelo Meio Ambiente. Os rios não conseguem seguir seu fluxo de tantos detritos depositados dentro deles. Um dos principais fatores é o sistema sanitário que é precário e também o esgoto doméstico que não tem uma forma adequada de tratamento e é despejado nos rios causando mau cheiro, poluindo as águas e matando os peixes. Além disso, a cada dia são hectares de matas devastadas pelo homem para suprir simplesmente seu poder econômico. A poluição da água tem sido um dos fatores mais importantes na discussão da semana do Meio Ambiente. No dia 5 de junho foi comemorado o Dia Mundial do Meio Ambiente e no dia 6 aconteceu a 1º Jornada Ambiental de Nova Iguaçu, que iniciou no último domingo e se encerra no dia 10. O evento aconteceu no auditório da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, campus Nova Iguaçu. (UFRRJ).

Leia mais...

 

Segurança Pública é tema de reunião entre prefeito e empresários

É tempo de mudanças e transformações para população Iguaçuana. A falta de segurança pública tem deixado os cidadãos assustados com a violência que vem se multiplicando a cada dia. As pessoas não conseguem sair de casa porque se sentem inseguras e com medo dos assaltos constantes nos bairros que moram. Para tentar amenizar este problema futuramente o município poderá ganhar uma unidade do Grupamento Aeromóvel (GAM) da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro. No dia 30 de maio, aconteceu o 1º Encontro de Desenvolvimento Econômico do município no teatro do Hotel Mont Blanc, realizado pela Associação Comercial e Industrial de Nova Iguaçu (ACINI), e contou com a presença do prefeito Rogério Lisboa que deseja trazer para a cidade o GAM e estuda a possibilidade do Grupamento funcionar no Aeroclube.

Leia mais...

 

Camelôs entendem que o cadastramento inicia uma nova era de trabalho para o vendedor ambulante

Para alguns é um sonho realizado o cadastramento dos camelos na cidade de Nova Iguaçu. Depois de muitas promessas pelos prefeitos anteriores, o atual Rogério Lisboa vem respondendo as expectativas dos vendedores ambulantes após a criação do cadastramento que passaram a ser reconhecidos como trabalhadores e cidadãos iguaçuanos. Todos os camelôs terão que comprovar que a residência é em Nova Iguaçu e com isso poderá adquirir o crachá e poder trabalhar com tranqüilidade e respeito. Todos serão cadastrados e terão suas barracas padronizadas e crachás de identificação. No último dia 19 de maio, o prefeito Rogério Lisboa reuniu-se com os vendedores informais no Centro de Formação de Líderes, no bairro Moquetá, para falar sobre as mudanças e a organização a partir do cadastramento de cada camelô.

Leia mais...

 

Editorial

É tempo de sonhar e realizar!

Não adianta apenas pensar é momento de realizar. Quando lançamos a semente, esperamos que a partir dali nasça um fruto saudável e pronto a nos alimentar.
Sabemos que a vida é feita de sonhos, conquistas e realizações. Quero dizer que estou realizando um pedacinho do meu sonho! Estou convidando a todos vocês a fazerem parte dessa realização que é a estréia deste site
knoticiasonline.com.br  Estarei falando sobre vários assuntos como, beleza, cultura, entretenimento, política, esporte (com a coluna Batons e Apitos) e economia.
Aqui vocês encontram reportagens, artigos, entrevistas... matérias atrativas que farão parte do seu dia a dia.
Tenho agradecido a Deus todos os dias pelas bênçãos recebidas. E, gostaria de agradecer toda equipe da agência G4 Vision, esta família de profissionais da qual eu faço parte. Muito obrigada!!!

Editora Kátia Cavalcante

Polícia Militar vem combatendo o tráfico de drogas

A polícia militar apreendeu no dia 8 de julho, na Rua Floresta Miranda, bairro do K11, Nova Iguaçu três elementos que portavam 260 sacolés de cocaínas, 45 pedras de crack, 215 sacolés de maconha. Os elementos foram conduzidos a DP e foram autuados no art.33 da Lei 11343/06 permanecendo presos.

Granada é encontrada no bairro do Paiol

Policiais encontraram na manhã do dia 8 de julho, uma granada na Rua Capitão Alfredo Antunes, bairro do Paiol, Nilópolis. Uma guarnição esteve no local e observou que a granada estava com pino e alça. Devido ao grande fluxo de pessoas que passavam por ali, para a segurança das pessoas a granada foi encaminhada ao 57º DP onde foi apreendido.

Segurança para Nova Iguaçu

O 20º Batalhão da Polícia Militar de Mesquita está fazendo um trabalho de qualidade na segurança dos bairros de Nova Iguaçu, Mesquita e Nilópolis. O Tenente Coronel Dantas tem atuado com a sua equipe de policiais na segurança da população. Vem ocorrendo repreensão de bailes funk irregulares no interior de comunidades, a exemplo Buraco do Boi.

Repórteres exercem dupla função

O Sindicato dos Jornalistas do Município e o Sindicato dos Radialistas do Estado neste mês de maio informou ao Ministério do Trabalho sobre o acúmulo de função de repórteres cinematográficos, que são pressionados a trabalhar como auxiliares de câmera, conforme denúncia da Comissão de Empregados. A Associação de Comunicação Educativa Roquete Pinto (Acerp) – fornecedora de conteúdo para a TV Brasil – e a Empresa Brasil de Comunicação (EBC) serão convocadas para mesa redonda na Delegacia Regional do Trabalho. Esta é a segunda vez que a Acerp é denunciada ao Ministério do Trabalho pelo Sindicato dos Jornalistas em menos de dois anos.

Direitos da Mulher completa um ano

Nilópolis comemorou no dia 27 de agosto com as superintendências municipais dos Direitos da Mulher e da Promoção de Igualdade Racial, o aniversário de um ano da Posse do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher e a entrega de certificados do curso Negras Criativas.

Palestra sobre deficiente visual no MAB de Nova Iguaçu

No dia 27 de setembro às 14hs, o MAB estará realizando uma reunião para pessoas com deficiência visual. O palestrante é Alexandre do Sindicato de Deficiente Visual do Rio de Janeiro.

Quem está online
Nós temos 16 visitantes online
Contador de Acessos
Visualizações de Conteúdo : 83354
Clima Tempo

Empresas de rádio e TV recusam negociar salário digno para jornalistas

Os representantes das empresas de rádio e TV não apresentaram nenhuma solução na última rodada da campanha salarial, realizada na sexta-feira (06/06). Foram mantidas as cláusulas da proposta anterior,consideradas insuficientes pela categoria,que rejeitou em assembléia.