Falta de saneamento básico é a maior causa das epidemias que afetam a população

Uma guerra que não tem hora para acabar e infelizmente apenas começou. A epidemia do zika vírus vem atingindo todo o país e chegou aos países da América Latina. O que fazer para eliminar este pequeno mosquito Aedes aegiypti que vem alarmando toda a população? O vírus está se espalhando rapidamente dificultando o trabalho dos agentes de saúde. Na Baixada, Nova Iguaçu, a população não agüenta mais ser contaminada pelo Aedes aegipyti, transmissor do zika vírus, dengue e chikungunya. O que fazer para eliminar este mosquito? Essas perguntas são feitas todos os dias pela população. A falta de prevenção é um dos fatores que vem ocorrendo para proliferar o zika vírus. Na década de 40 o zika vírus foi descoberto na floresta de Zika, na África. Suspeita-se que o vírus entrou no Brasil na época da Copa do Mundo em 2014, quando o país recebeu turistas de várias partes do mundo. Para que os nossos leitores estejam informados sobre este tema. A reportagem do CL foi ao consultório do Dr. Cláudio Ciani, médico cardiologista e clínico geral que nos falou sobre o zika vírus.

“Viajo muito e conheço outros países, e são lugares em que políticos não mentem. Imagine o presidente Barack Obama contando uma mentira em rede nacional. Devido as mentiras dos políticos no Brasil é que a população ficou descrente. O zika foi descoberto na década de 40, na África, e veio desencadear a epidemia mundial que se registra na atualidade devido as condições propícias que o vírus encontrou aqui no Brasil: sujeira, falta de saneamento,bueiros a céu aberto,descaso das autoridades de saúde com a população. E agora tendo que recorrer as forças armadas para combater o mosquito Aedes aegipyti. Não é atribuição das forças armadas. Por que as autoridades só se manifestam na época de epidemias e enchentes, e em ações emergenciais que não resolvem o problema da saúde pública que pautam na prevenção e ações contínuas? Por que Nova Iguaçu se transforma em uma lagoa com uma  chuva? Nos Estados Unidos e na Europa cai um metro de neve e no outro dia já é retirado. E a neve não sai pelo ralo. Em breve surgirá a vacina contra o zika vírus. Porém, precisamos de vacinas para políticos corruptos e autoridades incompetentes. Não podemos esquecer que com essas chuvas tem coisas piores como a leptospirose. No mês de maio e junho é época de meningite e o que está sendo feito? Não deixem que as coisas aconteçam faça as coisas acontecerem”,concluiu Dr. Cláudio Ciani.

 

 

 

Polícia Militar vem combatendo o tráfico de drogas

A polícia militar apreendeu no dia 8 de julho, na Rua Floresta Miranda, bairro do K11, Nova Iguaçu três elementos que portavam 260 sacolés de cocaínas, 45 pedras de crack, 215 sacolés de maconha. Os elementos foram conduzidos a DP e foram autuados no art.33 da Lei 11343/06 permanecendo presos.

Granada é encontrada no bairro do Paiol

Policiais encontraram na manhã do dia 8 de julho, uma granada na Rua Capitão Alfredo Antunes, bairro do Paiol, Nilópolis. Uma guarnição esteve no local e observou que a granada estava com pino e alça. Devido ao grande fluxo de pessoas que passavam por ali, para a segurança das pessoas a granada foi encaminhada ao 57º DP onde foi apreendido.

Segurança para Nova Iguaçu

O 20º Batalhão da Polícia Militar de Mesquita está fazendo um trabalho de qualidade na segurança dos bairros de Nova Iguaçu, Mesquita e Nilópolis. O Tenente Coronel Dantas tem atuado com a sua equipe de policiais na segurança da população. Vem ocorrendo repreensão de bailes funk irregulares no interior de comunidades, a exemplo Buraco do Boi.

Repórteres exercem dupla função

O Sindicato dos Jornalistas do Município e o Sindicato dos Radialistas do Estado neste mês de maio informou ao Ministério do Trabalho sobre o acúmulo de função de repórteres cinematográficos, que são pressionados a trabalhar como auxiliares de câmera, conforme denúncia da Comissão de Empregados. A Associação de Comunicação Educativa Roquete Pinto (Acerp) – fornecedora de conteúdo para a TV Brasil – e a Empresa Brasil de Comunicação (EBC) serão convocadas para mesa redonda na Delegacia Regional do Trabalho. Esta é a segunda vez que a Acerp é denunciada ao Ministério do Trabalho pelo Sindicato dos Jornalistas em menos de dois anos.

Direitos da Mulher completa um ano

Nilópolis comemorou no dia 27 de agosto com as superintendências municipais dos Direitos da Mulher e da Promoção de Igualdade Racial, o aniversário de um ano da Posse do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher e a entrega de certificados do curso Negras Criativas.

Palestra sobre deficiente visual no MAB de Nova Iguaçu

No dia 27 de setembro às 14hs, o MAB estará realizando uma reunião para pessoas com deficiência visual. O palestrante é Alexandre do Sindicato de Deficiente Visual do Rio de Janeiro.

Quem está online
Nós temos 28 visitantes online
Contador de Acessos
Visualizações de Conteúdo : 83311
Clima Tempo

Empresas de rádio e TV recusam negociar salário digno para jornalistas

Os representantes das empresas de rádio e TV não apresentaram nenhuma solução na última rodada da campanha salarial, realizada na sexta-feira (06/06). Foram mantidas as cláusulas da proposta anterior,consideradas insuficientes pela categoria,que rejeitou em assembléia.