Candidatos e empresários se reúnem para discutir problemas da Baixada

Desânimo e falta de confiança é o que vem passando a população iguaçuana na Baixada Fluminense. Vários projetos foram criados para melhoria da cidade, porém poucos foram executados. No último dia 10,às 8h da manhã, o Hotel Mercure abriu as portas e recebeu o pré-candidato a Governo do Estado do Rio de Janeiro,Eduardo Paes,convidado pela ACINI e pelo ex-secretário de Saúde do Rio de Janeiro,Luiz Antônio Teixeira de Souza Júnior pré-candidato a deputado federal pelo Progressistas. A reunião foi aberta para os empresários de Nova Iguaçu e lideranças do comércio. Empresários de outros municípios também participaram. Na reunião, o pré-candidato a deputado federal Luiz Antônio Teixeira apresentou ao ex-prefeito do Rio Eduardo Paes os principais problemas da região: segurança pública,saúde,mobilidade urbana, educação,saneamento básico, transporte público entre outros.

Segundo Paes, se for eleito o seu compromisso com Nova Iguaçu é priorizar principalmente essas questões da Baixada. Durante a reunião, Luiz Antônio comentou sobre a vida social da população da Baixada, mostrando a Eduardo Paes o crescimento da violência na região. Segundo ele, trabalhar para organizar o Estado e melhorar as finanças atingindo o crime organizado e então, reduzir os índices de violência na região. “O coração do nosso Estado pulsa na Baixada. A Lava Jato em investigações será muito útil para reduzir a violência no Rio”, disse Paes. Ele afirmou que se for eleito a governador irá criar um sistema de segurança pública que reunirá inteligência, sistema carcerário e o judiciário. “O sistema prisional tem que funcionar, o sistema ostensivo da Polícia Militar tem que funcionar, o sistema judiciário junto com a defensoria pública tem que funcionar. E, falta o sistema público funcionar”,comentou Paes. Segundo o pré-candidato Eduardo Paes, o Rio é a segunda economia do país. “Nós somos a segunda economia do país. Só vamos atrair investidores se recuperarmos a credibilidade do Estado do Rio de Janeiro. Essa é a razão de um investidor. Sempre andei nas áreas carentes principalmente da Zona Oeste”,falou Paes. Durante a reunião o pré-candidato a deputado federal Luiz Antônio interagiu com Eduardo Paes falando de desenvolvimento e renda para atrair emprego para os cidadãos iguaçuanos.Também foi citado o abandono do Arco Metropolitano que tem ocorrido vários assaltos devido a falta de segurança. “Os cidadãos da Baixada querem viver e trabalhar na Baixada. Querem poder ir e vir com segurança e saber que irão encontrar trabalho na cidade onde moram”,falou Luiz Antônio. Aproximadamente 400 pessoas entre políticos, empresários, profissionais liberais e convidados estiveram no Hotel Mercure e participaram do café da manhã com pré-candidato Eduardo Paes. “A mobilidade urbana é o tema da nossa reivindicação. Sabemos que Eduardo Paes tem um plano estratégico para a nossa cidade. É a grande oportunidade da nossa cidade”,ressaltou Renato Jardim.Também estiveram presentes a desembargadora Letícia Sardas (ex-presidente do TRE) e Aspásia Camargo, pré-candidata ao Senado pelo PSDB no Rio. Segundo Eduardo Paes, irá conseguir dinheiro fiscalizando renúncia fiscal e sonegação de impostos. “Eu tripliquei o orçamento do Rio quando fui prefeito. Fiz o dever de casa sem aumentar impostos”,explicou. O pré-candidato a deputado federal apresentou a Eduardo várias propostas para a cidade: aumento do efetivo da Polícia Militar, instalação do programa da Baixada Presente para que os cidadãos tenham segurança nos calçadões, ampliação das  escolas técnicas e fortalecimento da educação básica. Também foram apresentados 123 municípios responsáveis por grande parte violência, entre eles 10 ficam na Baixada Fluminense. Também foi citada uma criação de uma Zona Franca Baixada Fluminense. A região teve uma perda de 100 mil postos de trabalho recentemente. Foi ressaltado que 100 mil usuários de plano de saúde deixaram de usá-los nos últimos anos. Segundo Paes, as piores notas do Índice de Educação Básica (IDEB) do Estado do Rio de Janeiro estão em cidades da Baixada. “Eu tenho absoluta convicção que o Estado do Rio de Janeiro tem saída. Aqui tem um candidato que acredita no Estado. Podem ter certeza e convicção que vamos trabalhar muito e colocar gente competente no governo”.,concluiu Eduardo Paes.

 

 

Polícia Militar vem combatendo o tráfico de drogas

A polícia militar apreendeu no dia 8 de julho, na Rua Floresta Miranda, bairro do K11, Nova Iguaçu três elementos que portavam 260 sacolés de cocaínas, 45 pedras de crack, 215 sacolés de maconha. Os elementos foram conduzidos a DP e foram autuados no art.33 da Lei 11343/06 permanecendo presos.

Granada é encontrada no bairro do Paiol

Policiais encontraram na manhã do dia 8 de julho, uma granada na Rua Capitão Alfredo Antunes, bairro do Paiol, Nilópolis. Uma guarnição esteve no local e observou que a granada estava com pino e alça. Devido ao grande fluxo de pessoas que passavam por ali, para a segurança das pessoas a granada foi encaminhada ao 57º DP onde foi apreendido.

Segurança para Nova Iguaçu

O 20º Batalhão da Polícia Militar de Mesquita está fazendo um trabalho de qualidade na segurança dos bairros de Nova Iguaçu, Mesquita e Nilópolis. O Tenente Coronel Dantas tem atuado com a sua equipe de policiais na segurança da população. Vem ocorrendo repreensão de bailes funk irregulares no interior de comunidades, a exemplo Buraco do Boi.

Repórteres exercem dupla função

O Sindicato dos Jornalistas do Município e o Sindicato dos Radialistas do Estado neste mês de maio informou ao Ministério do Trabalho sobre o acúmulo de função de repórteres cinematográficos, que são pressionados a trabalhar como auxiliares de câmera, conforme denúncia da Comissão de Empregados. A Associação de Comunicação Educativa Roquete Pinto (Acerp) – fornecedora de conteúdo para a TV Brasil – e a Empresa Brasil de Comunicação (EBC) serão convocadas para mesa redonda na Delegacia Regional do Trabalho. Esta é a segunda vez que a Acerp é denunciada ao Ministério do Trabalho pelo Sindicato dos Jornalistas em menos de dois anos.

Direitos da Mulher completa um ano

Nilópolis comemorou no dia 27 de agosto com as superintendências municipais dos Direitos da Mulher e da Promoção de Igualdade Racial, o aniversário de um ano da Posse do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher e a entrega de certificados do curso Negras Criativas.

Palestra sobre deficiente visual no MAB de Nova Iguaçu

No dia 27 de setembro às 14hs, o MAB estará realizando uma reunião para pessoas com deficiência visual. O palestrante é Alexandre do Sindicato de Deficiente Visual do Rio de Janeiro.

Quem está online
Nós temos 11 visitantes online
Contador de Acessos
Visualizações de Conteúdo : 100952
Clima Tempo

Empresas de rádio e TV recusam negociar salário digno para jornalistas

Os representantes das empresas de rádio e TV não apresentaram nenhuma solução na última rodada da campanha salarial, realizada na sexta-feira (06/06). Foram mantidas as cláusulas da proposta anterior,consideradas insuficientes pela categoria,que rejeitou em assembléia.