Agentes Comunitários e de Saúde se mobilizam no combate ao Zika Vírus

É momento de unir as forças e seguir em frente no combate do Zika Vírus. Apenas um pequeno mosquito, o aedes aegypti, vem afetando a saúde da população iguaçuana. Grande parte da população já se contaminou com Zika Vírus. Os sintomas são semelhantes ao da dengue, como febre,dores em algumas partes das articulações, manchas no corpo e diarreia. Na edição do dia 12 de dezembro, de 2015, o CL publicou a reportagem sobre os agentes comunitários e de Saúde que se reuniram na Riosampa para discutirem sobre o combate ao Zika. Foram aproximadamente 1.500 agentes que receberam treinamento na prevenção do mosquito aedes aegypti e também no cuidado para as gestantes. Para que a população saiba como está sendo feito o trabalho dos agentes, a reportagem do CL esteve na subsecretaria de Vigilância em Saúde  Ambiental e entrevistou Silvio César dos Santos Diniz,coordenador de Fatores Biológicos. “Aumentou o número de casos. Nós temos dois casos confirmados de gestantes com Zika: Um na Posse e outro em Cabuçu. Porém, estão em investigação outros casos que estão distribuídos por vários bairros de Nova Iguaçu. Nossa preocupação maior são as gestantes. Com relação ao Zika Vírus é a microcefalia. Nós temos intensificado com a ação dos agentes comunitários e de Saúde no controle do vetor transmissor do Zika Vírus, o aedes aegypti. Temos feito a distribuição de capas de caixa d’ água. Os moradores armazenam a água de forma inadequada. Estamos fazendo ações integradas com outras Secretarias:Defesa Civil,Secretária do Meio Ambiente, Emlurb, Codeni, Secretaria de Assistência Social, Secretaria de Educação, Secretaria de Governo (SEMUG). Segundo ele, “as visitas estão sendo feitas em pontos estratégicos. “Estamos fazendo visitas em pontos estratégicos como ferro-velhos, borracharias e cemitérios. Estamos intensificando os ‘10 minutos salvando vidas’: no ato da visita, o agente, junto com o morador, realiza um cheque ‘list’ com inspeção dos possíveis criadores encontrados na residência. O agente instrui ao morador para que ele tire 10 minutos por semana para fazer a inspeção. Em todos os bairros tem passado o carro fumacê, com exceção no bairro de Tíngua, porque se trata  reserva biológica. O tratamento é  realizado uma vez por semana obedecendo um ciclo de quatro semanas consecutivas”,falou Silvio César. Silvio diz  que quando o carro do fumacê estiver passando as pessoas devem deixar as portas e janelas abertas para que o produto atinja o vetor no interior da residência. “Encontramos focos do mosquito em borracharias e ferros-velhos localizados na Estrada de Madureira, Comendador Soares, Posse, Miguel Couto, entre outros”, concluiu Silvio César,coordenador de Fatores Biológicos. Mais informações pelo telefone: 2668-2300 – Ouvidoria da Vigilância de Saúde. Para as gestantes tirarem suas dúvidas sobre o Zika Vírus o telefone de contato é 0800-0257970. Para agendamentos e consultas é só discar telefone 3102-4770. Referência Hospital Mariana Bulhões.

 

Polícia Militar vem combatendo o tráfico de drogas

A polícia militar apreendeu no dia 8 de julho, na Rua Floresta Miranda, bairro do K11, Nova Iguaçu três elementos que portavam 260 sacolés de cocaínas, 45 pedras de crack, 215 sacolés de maconha. Os elementos foram conduzidos a DP e foram autuados no art.33 da Lei 11343/06 permanecendo presos.

Granada é encontrada no bairro do Paiol

Policiais encontraram na manhã do dia 8 de julho, uma granada na Rua Capitão Alfredo Antunes, bairro do Paiol, Nilópolis. Uma guarnição esteve no local e observou que a granada estava com pino e alça. Devido ao grande fluxo de pessoas que passavam por ali, para a segurança das pessoas a granada foi encaminhada ao 57º DP onde foi apreendido.

Segurança para Nova Iguaçu

O 20º Batalhão da Polícia Militar de Mesquita está fazendo um trabalho de qualidade na segurança dos bairros de Nova Iguaçu, Mesquita e Nilópolis. O Tenente Coronel Dantas tem atuado com a sua equipe de policiais na segurança da população. Vem ocorrendo repreensão de bailes funk irregulares no interior de comunidades, a exemplo Buraco do Boi.

Repórteres exercem dupla função

O Sindicato dos Jornalistas do Município e o Sindicato dos Radialistas do Estado neste mês de maio informou ao Ministério do Trabalho sobre o acúmulo de função de repórteres cinematográficos, que são pressionados a trabalhar como auxiliares de câmera, conforme denúncia da Comissão de Empregados. A Associação de Comunicação Educativa Roquete Pinto (Acerp) – fornecedora de conteúdo para a TV Brasil – e a Empresa Brasil de Comunicação (EBC) serão convocadas para mesa redonda na Delegacia Regional do Trabalho. Esta é a segunda vez que a Acerp é denunciada ao Ministério do Trabalho pelo Sindicato dos Jornalistas em menos de dois anos.

Direitos da Mulher completa um ano

Nilópolis comemorou no dia 27 de agosto com as superintendências municipais dos Direitos da Mulher e da Promoção de Igualdade Racial, o aniversário de um ano da Posse do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher e a entrega de certificados do curso Negras Criativas.

Palestra sobre deficiente visual no MAB de Nova Iguaçu

No dia 27 de setembro às 14hs, o MAB estará realizando uma reunião para pessoas com deficiência visual. O palestrante é Alexandre do Sindicato de Deficiente Visual do Rio de Janeiro.

Quem está online
Nós temos 79 visitantes online
Contador de Acessos
Visualizações de Conteúdo : 83407
Clima Tempo

Empresas de rádio e TV recusam negociar salário digno para jornalistas

Os representantes das empresas de rádio e TV não apresentaram nenhuma solução na última rodada da campanha salarial, realizada na sexta-feira (06/06). Foram mantidas as cláusulas da proposta anterior,consideradas insuficientes pela categoria,que rejeitou em assembléia.